EDITORIAS

ASSINE

ANUNCIE

'Quarentena e Quaresma'

Fundação realiza parte da decoração planejada para celebrar a Páscoa junto ao Parque Central

Clarice Graupe Daronco / JMV
Foto: By Pilo

TIMBÓ - "O Parque Central de Timbó está em clima de Páscoa, apesar do silêncio que impera em toda cidade. A decoração que contém apenas uma pequena parte do que era planejado pela equipe da Fundação de Cultura e Turismo, relembra-nos do período em que vivemos: a quaresma". Com essas palavras a chefe de Eventos da Fundação de Cultura e Turismo de Timbó, Inês Klaumann fala um pouco sobre o momento que o município de Timbó e região estão vivendo.

Segundo ela, o período que antecede a Páscoa é denominada de Quaresma. "A Quaresma nos oferece a oportunidade de refletir sobre o centro da vida cristã: o amor. Deste modo, a Quaresma é um tempo oportuno para nos dirigirmos a Deus, fonte de todo o bem, para lhe suplicar que nos liberte do nosso egoísmo, e nos dê um coração novo e um novo espírito e nos ajude a contemplar as necessidades do nosso próximo nas realidades do nosso cotidiano".

De acordo com Inês, de um modo especial, o tempo da Quaresma deste ano de 2020 traz consigo uma nova e inesperada realidade: a pandemia do novo Coronavírus. "Primeiramente, não podemos nos deixar levar pelo medo do vírus, e sim estabelecer um tempo de confiança no Senhor. Prestar atenção às necessidades do outro é reconhecer que somos, sim, responsáveis pelo nosso irmão e, por isso, a nossa caridade se expressa também na preocupação com a saúde do nosso próximo e, portanto, também por meio do cuidado e da prevenção do Coronavírus. Lavar as mãos com sabão, usar álcool gel, respeitar as medidas de precaução e as regras básicas de higiene se tornam expressões de caridade em tempos de Coronavírus".

A profissional aproveita o momento para deixar os seguintes questionamentos: "O que podemos fazer pelo nosso próximo que contraiu o Coronavírus? O que podemos fazer para frear essa expansão do Coronavírus? Penso que o principal é reforçar ainda mais nossas boas ações e orações abrindo o coração, suplicando ao Divino Médico que tenha misericórdia de nós e nos conceda a graça de uma vacina que evite o Coronavírus e de um medicamento que cure essa enfermidade. Que a cada dia de nossas vidas, oremos com confiança: Senhor, tende misericórdia, socorrei-nos sem demora! ".

Em nota o diretor-presidente da Fundação, Jorge Ferreira afirma que: "temos como regra, neste momento evitar as aglomerações, por isso a ordem é apreciar de longe e deixar a situação se acalmar. Sendo assim, optamos em manter as peças grandes da decoração, permitindo que a Páscoa não passe em branco em nossa cidade".

De acordo com o Decreto Nº 5537/2020, assinado pelo prefeito de Timbó, Jorge Krüger, no dia 16 de março, todos os eventos públicos em áreas abertas que ultrapassem 200 pessoas e em ambientes fechados acima de 100, estão cancelados. A programação de Páscoa, também não acontecerá mais, apenas será dada continuidade à decoração externa do Parque Central.


By Pilo


Osterbrunnen

Um dos espaços mais apreciados da decoração do Parque Central recebeu lugar de destaque projetado sobre o chafariz: a Osterbrunnen - Fonte de Páscoa, tradição alemã de decorar fontes de águas públicas com ovos de Páscoa.

De acordo com os profissionais da Fundação de Cultura e Turismo, a tradição de decorar fontes de águas públicas com ovos de Páscoa iniciou no século XX na Suíça Francônia, e se espalhou por outras regiões. "A decoração das fontes inicia a partir da Sexta-feira Santa até duas semanas após a Páscoa. O objetivo é homenagear a água, elemento essencial para a vida e na Páscoa, conforme a tradição, a vida é renovada", observam eles.

Ferreira relata que havia um antigo costume em toda a Alemanha de tirar água das fontes, antes dos primeiros raios de sol pelas mulheres, em silêncio na manhã do Domingo de Páscoa para a purificação e tratamento médico. "Nesta região são utilizados como decoração cordões feitos com ramos de ciprestes sempre naturais nas fontes, ovos de Páscoa, fitas coloridas, guirlandas de flores secas".

A Suíça Francônia está localizada no norte da Bavária. "A tradição de decorar fontes para o período da Páscoa tem relatos por volta de 1909, e após a segunda Guerra Mundial a tradição passou por um tempo esquecida voltando com força total a partir de 1980 por incessantes iniciativas de entusiastas desta tradição. Essas fontes tornaram-se uma importante atração turística sendo que a fonte de Páscoa da cidade de Bieberbach foi listada em 2001 no Guinness World Records como a maior fonte decorada com 11.108 ovos pintados à mão e chega a receber a visitação de um público de 32 mil pessoas. Acredita-se que no Brasil, Timbó é pioneira em trazer a tradição germânica", destaca Ferreira.



jmv_transparente.png
Editora Jornal do Médio Vale
R. Caçador, 406, Bairro das Nações, Timbó - SC,
89120-000 | Telefone (47) 3382-1855
Sobre o Jornal | Expediente | Assine | Anuncie
icon_facebook.png
icon_youtube.png