EDITORIAS

New-01-01.png

ASSINE

assi-01-01.png

ANUNCIE

Rex conquista título inédito no SC Bowl XIII

10 Julho 2018 15:25:00

O roteiro do SC Bowl XIII (13) em Itajaí, no sábado, dia 7, foi o mesmo das últimas três edições, com os mesmos protagonistas e o mesmo campeão: o T-Rex!

BY PILO
Foto: FOTO/RICHARD FERRARI

TIMBÓ - O roteiro do SC Bowl XIII (13) em Itajaí, no sábado, dia 7, foi o mesmo das últimas três edições, com os mesmos protagonistas e o mesmo campeão: o T-Rex! Nesta temporada, o Istepôs conseguiu derrotar o seu algoz na temporada regular e chegou como seed 1 para a final. Mesmo assim, o time de Timbó foi mais efetivo na final, abriu o placar na primeira campanha e soube conduzir bem a partida para ser o maior campeão da história de Santa Catarina, com quatro títulos estaduais seguidos após o triunfo por 24 a 0.

Com o título, o T-Rex é o maior campeão da história do estado com mais competições estaduais. O time de Timbó passa a ter quatro títulos (seguidos, de 2015 a 2018), seguido pelos Joinvilles Panzers (2006 a 2008) e Gladiators (2009 a 2011), Istepôs (2013 e 2014) e Corupá Buffalos (2012).

Em sua primeira campanha, o T-Rex conseguiu marcar no lindo passe do quarterback Bassani para o wide-receiver Matheus Barozzi, em uma conexão de 40 jardas. O kicker Diego Boddenberg garantiu o ponto-extra e o placar de 7 a 0 no início da final.

Se o ataque dos tricampeões começou inspirado, a defesa também. O Istepôs tentou correr com JP e Laurentino, mas não conseguiu renovar as chances e foram para o punt. A partida seguiu com pouca efetividade dos ataques e ações pontuais da defesa até o término do primeiro quarto.

O segundo período começou com o Rex com as costas nas paredes. Mas Bassani desafogou a equipe com mais um bom passe para Barozzi (foto), garantindo a primeira descida. O time de Timbó foi gastando o relógio em uma longa campanha, que não conseguiu chegar à redzone e cedeu a bola ao Istepôs após quarta descida frustrada na jarda 25 do campo de ataque.



FOTO/RICHARD FERRARI/


Se o ataque não chegou à redzone, a defesa fez o trabalho para o Rex. O quarterback Mazzola foi interceptado por Andrei Pereira. Mas a ação do defensive line da equipe de Timbó foi anulada por uma falta. Na sequência, Mazzola recuperou um fumble após o snap. Forçado a chutar, o Istepôs viu o Rex avançar apenas até o meio campo. Na tentativa de field goal de 55 jardas, Boddenberg não conseguiu mais três pontos no placar.

O terceiro quarto começou com o Istepôs na corrida, com JP e Mazzola garantindo as primeiras descidas com corridas. Na jarda 28 de ataque, os desafiantes ao título pediram um timeout para organizar uma jogada importante da campanha. Na volta, a corrida de Mazzola não garantiu a posse da bola. Well Garcia chegou correndo para o T-Rex, que na redzone repetiu a dobradinha que abriu o placar: passe de 12 jardas de Bassani para Barozzi, com novo sucesso do kicker Boddenberg: 14 a 0 Rex.

O último quarto começou com mais um punt do Istepôs, saindo de um possível safety para o ataque do Rex começando da linha de 26 jardas do campo de defesa. Mas isso não impediu um novo touchdown da dupla da partida: Bassani-Barozzi, com participação de Boddenberg - 21 a 0 Rex. Antes de terminar a partida, Boddenberg ainda fez o seu field goal para dar números finais à partida: 24 a 0.

Agora o Campeonato Brasileiro é o foco de ambas as equipes. O T-Rex receberá o Juventude no dia 21 deste mês; na mesma data, o Istepôs visitará o atual campeão gaúcho, o Santa Maria Soldiers.(colaborou Victor Romualdo Francisco).


Imagens



jmv_transparente.png
Editora Jornal do Médio Vale
R. Caçador, 406, Bairro das Nações, Timbó - SC,
89120-000 | Telefone (47) 3382-1855
Sobre o Jornal | Expediente | Assine | Anuncie
icon_facebook.png
icon_youtube.png