Celesc: sempre empenhada para atender a população

23 Junho 2017 14:12:24

Central Elétrica trabalha diariamente para melhorar as condições de acesso à energia em Timbó

Greici Siezemel / JMV
Celesc-Timbó-(8).jpg
Foto: FOTO/CELESC TIMBÓ

 

TIMBÓ - A companhia de eletricidade Celesc está sempre preocupada com a população, por isso, possui um Plano de Operação que define critérios técnicos e procedimentos de segurança, com profissionais treinados e capacitados para a recomposição do sistema elétrico, no menor tempo possível. Assim, são considerados atendimentos prioritários aquelas ocorrências que envolvam risco de choques elétricos e órgãos de serviço público (hospitais, polícia, bombeiros, etc). As demais ocorrências são atendidas a partir do restabelecimento do sistema elétrico em unidades consumidoras prioritárias.
O restabelecimento do sistema elétrico pode ser acompanhado, em tempo real, no site da Celesc.  Também é prática da Agência de Timbó, o envio à imprensa de informações periódicas sobre o desenvolvimento dos trabalhos de reparo. Para reportar a falta de luz, basta ligar para o Call Center no telefone 0800 48 0196 ou enviar um SMS para 48 196, com a mensagem SEM LUZ + o número da unidade consumidora e o sistema será notificado imediatamente. 


 Plano para corte 
de galhos e árvores 

A Celesc realiza podas e cortes quando a vegetação está em contato direto com a rede elétrica ou muito próxima.  A companhia procura dialogar com o consumidor nos casos em que árvores têm risco eminente de que possam cair sobre a rede.  O cronograma desses cortes e podas ocorre durante todo o ano. “Destacamos que nos meses de julho a setembro realizamos os mutirões de poda na área urbana, onde de 3 à 5 dias, com efetivo aumentado, passamos toda área urbana dos municípios”, informa Juliano Bachmann, chefe da Celesc da região de Timbó.
A Celesc orienta a não plantar árvores próximas das redes de distribuição. Caso exista árvore próxima da rede que não ofereça risco para o corte, a orientação é de que o morador corte as árvores, sempre obedecendo às leis ambientais.


Plano de manutenção 

A Celesc possui um plano de manutenção periódico de seu sistema elétrico, como a substituição de postes e transformadores, inspeção com termo- visão para identificar pontos quentes e agir antes de um evento, plano para refazer aterramentos, dentre outros. “As faltas ocorridas são estudadas e soluções são executadas. Muitas vezes as correções já ocorrem na hora do evento, por exemplo, quando um abalroamento de poste que inutiliza o poste, requer sua substituição imediata; também é feita a substituição de transformadores queimados, normalmente devido a raios,” destaca  Bachmann.


Obras de Investimento 

As obras de investimento são resultados dos estudos do sistema elétrico da cidade, bairro e rua, e tem como objetivo evitar as faltas e promover aumento de disponibilidade de energia com qualidade. A obra destaque em execução no momento é a melhoria no circuito que atende os consumidores entre o centro de Timbó, com início na Thapyoka até o Posto Rio Cedrense, no Centro de Rio dos Cedros, e desse ponto até os Bombeiros, no bairro São José, em Rio dos Cedros.  Essas obras beneficiarão aproximadamente 5000 mil unidades consumidoras, especialmente o setor industrial de Rio dos Cedros.
A Celesc também está fazendo melhorias de divisão de circuito em média tensão, um projeto de sucesso da equipe técnica da Celesc de Timbó, onde 8000 mil unidades já se beneficiaram na cidade, com ações nas ruas Alemanha, Mônaco, Oscar Piske, Groelândia, Amazonas, Inglaterra, Canadá, Senegal, Tapajós, Carajás, Rudolf Borchardt, Lages, Ibirama, Rodeio, Paraguai, São Bento, Ibirama.
No Morro Azul, para evitar o corte de árvores e preservar o meio ambiente, uma melhoria com elevação da rede e instalação de postes de 21 metros foi realizada há dois anos. “Recentemente, com as obras de melhoria na via e acesso interrompido, instalamos transformador reserva que reduzirá o tempo de restabelecimento em caso de queima do transformador em uso, o qual atende as torres de comunicação”, observa Bachmann.
A Celesc fez gratuitamente as obras de melhoria para atender o Residencial Novo Araponguinhas I e II, que está sendo entregue a população.

jmv sim
SOSDesaparecidos.fw.png
Anuncio-Vendas2-01-01.jpg
Logo_ JMV.png

Copyright © 2011. Todos os direitos reservados | Associação dos Jornais do Interior de Santa Catarina